15 de fevereiro de 2015

Projeto Liga das Otomes ~ Livro Favorito

Olá pessoal, este post vai ser um pouco diferente do que costumo postar por aqui.
Estamos fazendo parte de um projeto chamado: Liga das Otomes. Quinzenalmente haverá um post especial, escolhido por um dos 7 blogs participantes, listados no final da postagem. 
O tema foi escolhido pela Jessica do blog Uma Geek Descolada.


O primeiro tema escolhido - Livro Favorito -


Bem, começo avisando que não se trata de uma review. Pretendo fazer em breve;)  porque esse título merece.

É sempre difícil escolher algo que seja favorito para mim, sempre acabo com dúvida entre dois ou três títulos. Então, resolvi escolher um que gostasse bastante e tivesse ligação com o Mundo Shoujo. 

Sekai no chuushin ai wo sakebu (Um Grito de amor do centro do Mundo) , de Kyoichi Katayama, foi publicado no Japão em 2001 e foi um enorme sucesso, vendeu mais de 3,5 milhões de exemplares, sendo adaptado para cinema, dorama e um mangá shoujo (lançado também no Brasil!) Todos fazendo muito sucesso. 

O livro é narrado pelo Sakutarô, alternado entre passado e presente, Austrália e Japão. Desde o início, o autor nos mostra que há uma morte, e mesmo sabendo do desfecho da história, sempre consigo me emocionar e torcer, em vão, para que tudo fosse diferente. A forma como o amor é tratado no livro é extremamente bonita e mais do que um livro de amor, é um livro sobre a saudade. 

Sakutarô conhece a Aki, no início do fundamental e por acasos da vida escolar, acabam passando muito tempo juntos, essa aproximação faz com que o menino fã de Rock e a garota inteligente e popular se tornem amigos inseparáveis e com o tempo um casal apaixonado. 

Eles ainda são muito novos e experimentam o amor na juventude, fase de ingenuidade, incertezas  e despreocupação com o mundo. No entanto, o triste destino os forçou a enfrentar uma dura realidade, abalando o mundo do jovem casal, mas não abalando o amor que eles sentiam. 

Além da beleza na relação entre Sakutarô e Aki, me encanta a amizade e a cumplicidade entre Sakutarô e seu avô, os diálogos entre os dois são trechos muito bonitos. 

Recomendo muito a leitura, e peço para que os mais sensíveis preparem o lencinho, é realmente difícil não se emocionar com a forma tocante como os sentimentos foram trabalhados no livro, com personagens cativantes e se questionar por que a dureza da vida precisa chegar tão cedo para alguns. 


A liga das Otomes:

2 comentários:

  1. Um romance de vez em quando sempre é bem vindo, neh? Faz a gente suspirar pelos cantos mesmo não estando apaixonada por alguém. Aquele friozinho na barriga que faz você shipar o seu casal favorito o livro todo. Ah, ler realmente é um meio que magico, você quase que sente as emoções do livro, imagina como se fosse real. Adorei a indicação.
    Bjinhos
    Jeh
    ~Uma Geek Descolada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Super suspeita para falar, mas eu recomendo o amor sempre ♥
      Bons livros conseguem te envolver de um jeito que faz vc esquecer o mundo a sua volta, é realmente algo mágico. Obrigada pela visitinha e fico feliz que tenha gostado.
      Beijo

      Excluir