10 de dezembro de 2015

'Ouke no Monshou' completa 40 anos da série

O mangá Ouke no Monshou da autora Chieko Hosokawa e com ajuda no roteiro de Fumin completou seus quarenta anos de serialização.
A revista Princess #1 lançada dia 4 de dezembro virá com uma bolsinha com estampa do mangá.


A série começou no ano de 1976 e tem atualmente 60 volumes sem previsão de acabar até o momento. A sua versão bunko (uma versão em tamanho maior e mais bem acabada) está no seu volume 20 e a versão eletrônica até o volume 25. A série foi elegida o melhor mangá Shoujo pelo Kodansha Award em 1990. Até novembro de 2006 vendeu mais de 40 milhões de cópias ao todo. Ela também tem um musical marcado para estrear em agosto de 2016 ao qual fizemos a notícia sobre o elenco AQUI.

Sinopse: A história do mangá original gira em torno de Carol, uma estudante de arqueologia em uma viagem de estudo no Egito. Quando uma equipe de escavação desenterra o túmulo de um faraó egípcio, ela é amaldiçoada para voltar no tempo 3000 anos ao Antigo Egito, onde conhece o faraó cruel e carismático, Memphis, e se apaixona por ele. Devido ao conhecimento de Carol da história, ela é capaz de ajudar o Egipto a prosperar, e torna-se elogiada e chama a Filha do Nilo. Mas muitos estão com inveja de sua posição ou a querem tê-la para si mesmos, e ela torna-se envolvida nas tramas e conspirações do mundo antigo.

Fonte: Comic Natalie, Wikipedia, Shoujo Lovers

Nenhum comentário:

Postar um comentário