28 de abril de 2016

Akatsuki no Yona entra em hiato por tempo indeterminado



Como comentamos na página, ocorreram uma sequência de terremotos na província de Kumamoto, local onde mora a Mizuho Kusanagi, autora de Akatsuki no Yona. Assim que ela comunicou no twitter como ela estava, chegamos a colocar uma nota na nossa página do facebook, no dia 14 de abril, informando que apesar do susto e casa revirada, a mangaká estava bem.

Como consequência, a 11ª edição da revista Hana to Yume, da Hakusensha, que será lançada na próxima segunda-feira, informa que a Mizuho Kusanagi colocará seu mangá (Akatsuki no Yona)  em hiato por causa dos terremotos de Kumamoto. Embora o novo capítulo não esteja presente na 11ª edição, ainda irá ser o destaque da capa.

Como vocês já sabem, Kusanagi vive em Kumamoto, e a equipe do departamento editorial da Hana to Yume confirma que a Kusanagi sensei não foi ferida.

O departamento editorial explicará ainda na 11ª edição, que o retorno da serialização irá depender das circunstâncias da Kusanagi, até que ela consiga colocar tudo em ordem. 

Kusanagi explicou no Twitter, na última sexta-feira, que o mangá não apareceria na 11ª edição da Hana to Yume porque, embora os danos do primeiro terremoto não tivessem sido grandes, em 14 de abril, ela ficou impossibilitada de completar o manuscrito devido ao estado após o segundo terremoto, no dia 16 de abril. Ela também disse que iria fazer o seu melhor para retornar ao trabalho rapidamente. 

Kusanagi lançou Akatsuki no Yona em 2009 na revista shoujo Hana to Yume. A VIZ Media anunciou no início de outubro que licenciou o mangá na América do Norte, e o primeiro volume dele será lançado em agosto.

A obra inspirou um anime de 24 episódios de televisão, que estreou em outubro de 2014. Crunchyroll e Funimation transmitiram a série que foi ao ar no Japão. O mangá que já ganhou um OAD (original anime DVD) numa edição limitada do volume 19, em Setembro do ano passado, irá ganhar um novo OAD  dividido em duas partes que adaptará o "Arco Zeno", confira mais detalhes sobre ele AQUI

A série ainda inspirou uma adaptação para peça de teatro que foi executada em Tóquio até 21 de março.

Confiram as ilustrações que diversas mangakás de shoujo fizeram em apoio as vítimas do terremoto AQUI. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário