10 de fevereiro de 2017

Primeiras Impressões: ByeBye Liberty















Primeiras Impressões – ByeBye Liberty 

O mangá shoujo ByeBye Liberty (ばいばいリバティー) da autora Ayuko Hatta é serializado na revista Betsuma desde Setembro de 2016. Recentemente, teve seu primeiro volume publicado no Japão, pela editora Shueisha. Ayuko Hatta deu um salto na carreira com sua obra Ookami Shoujo to Kuro Ouji, finalizado ano passado com 16 volumes ao todo, sendo sua primeira série longa! Seus mangás anteriores foram todos de apenas um único volume. 

Não é uma tarefa fácil substituir um mangá de sucesso. Então vamos conhecer o que ByeBye Liberty tem a nos oferecer?! 

Gêneros: Comédia, Romance, Vida escolar
Demografia: Shoujo
Autora: Ayuko Hatta


Sinopse: Grau de afinidade 0%?! Um homem e uma mulher que não se entendem, mas incrivelmente há um desenvolvimento...?!
"Eu não preciso me apaixonar!" Rina Suzuki achava isso, até um dia passar por uma situação inesperada: Hibiki Takumi, um colega de classe, pede para ela fingir ser sua namorada, e subitamente a beija! Nessa situação inesperada Rina mete um tapa na cara dele, pois foi seu primeiro beijo, e os dois passam seus dias como cão e gato. Então Hibiki faz uma proposta para Rina: "E se você começar a gostar de mim?"






Impressões: 


Ayuko Hatta sem dúvida alguma é conhecida pelos fãs de shoujo, principalmente, por seu mangá Ookami Shoujo to Kuro Ouji, obra que divide opiniões. Há quem ame e há quem odeie a série mais popular da autora. No entanto, é inegável o sucesso que o mangá obteve, ganhou adaptação em Drama-CD, Anime para TV, Anime direto para DVD e filme live-action. A série nem havia acabado ainda e ela já comentava no twitter sobre as reuniões com os editores da revista Betsuma, para definir a série sucessora. Com a série atual encerrando seu ciclo com êxito, já era hora de lançar a seguinte, para que o sucesso de uma contribuísse para impulsionar a outra. Ookami acabou em maio, e em setembro ByeBye Liberty, a nova série da Ayuko Hatta, foi lançada.




Gostei de ByeBye Liberty à primeira vista, assim que a primeira imagem da série foi divulgada me agradei muito do visual do casal protagonista. Adorei o cabelão dela, geralmente vejo bastantes personagens com cabelos médios ou curtos e gostei do protagonista masculino moreno desta vez, contrastando com o loiro do Sata. Pelas expressões faciais do casal e o jeito que um olhava para o outro, já dava para perceber que teríamos dois personagens com temperamentos difíceis para acompanhar, dois tsunderes! Quem será que vai dobrar quem nessa história?




A protagonista da história é Rina Suzuki, uma garota do ensino médio que NUNCA se apaixonou e vive literalmente cercada por amor. O assunto é o tema preferido das suas amigas, que vivem suspirando pelos garotos bonitos da escola. Além disso, sua mãe é uma mangaká de shoujo, será o alter ego da Hatta-sensei? ♥  Bem, o grande problema é que inicialmente Rina não liga nem um pouco para essa história de romance, não está à procura de um namorado e vive bem assim, mas essa forma de viver e pensar acabam incomodando um pouco as pessoas ao seu redor. Ah, deixem a menina ser feliz como ela quiser.



Desde o início a Rina deixa visível a sua personalidade forte, ela fala o que pensa, é determinada e muito segura da sua opinião, porém, isso não a impede de ser uma pessoa gentil. Muita gente acha que temperamento forte é sinônimo de grosseria, mas a Rina tem um lado muito gentil e afetuoso. Deu para notar bem esse lado dela no relacionamento com a mãe, ela está sempre cuidando dela, já que vida de mangaká é super corrida! Ah! Realmente adorei a mãe da protagonista como mangaká, espero ter muitas cenas do cotidiano de uma autora de mangá shoujo.  

E entre suas amigas histéricas por meninos bonitos e sua mãe mangaká, que depende muito da sua ajuda, seguem os dias de Rina, até a chegada de seu novo vizinho. O garoto que é ninguém menos que Hibiki Takumi, o líder do trio de garotos bonitões pelo qual suas amigas suspiram. Takumi é um garoto cheio de si, faz sucesso com as mulheres e é todo convencido. Realmente acredito que ele não é SÓ isso, mas como é apenas o início da trama, ainda o conhecemos muito superficialmente. 




Ele entra na vida de Rina bagunçando tudo ao pedir que ela finja ser sua namorada. Espera, onde é que eu já vi isso? Rs Exatamente, um dos acontecimentos que desencadearam a história de Ookami Shoujo to Kuro Ouji também é mostrado em ByeBye Liberty, mas como a Hatta sensei é sensacional, ela zomba da Erika, sua própria protagonista anterior, afinal, onde já se viu pedir algo assim para alguém que você nunca viu antes? 



Para ajudá-lo a se livrar de uma menina que o estava perseguindo, Rina concorda em fingir naquele momento, mais uma vez mostrando que ela tem uma natureza gentil mesmo. Só que sem ser avisada, Takumi a beija e se declara, com a intenção na verdade de que a perseguidora assistisse toda a cena! Pega de surpresa, é nessa hora que Rina fica completamente... furiosa! Achava que ela iria cair de amores pelo ídolo da escola? Rina o xinga um monte e ainda dar uns bons tapas na cara dele, já que isso não tinha sido combinado. Porém na cabeça do convencido garoto, não teria sentido nenhum ela fingir ser namorada se não fosse por isso, e afinal era só um beijo, algo trivial, e a Rina tinha prometido ajudar. Ai Ai. Acontece que na vida toda de Takumi, as garotas correm e se declaram o tempo todo, na cabeça dele ninguém ofenderia só com isso. E a antipatia da Rina nasce desse episódio. Provavelmente não será mesmo por esse beijo que ela irá gostar dele algum dia. 



Os amigos de Takumi entram em cena, eles ficam muito curiosos para conhecer uma garota que inacreditavelmente detesta o amigo popular! E vão promover mais um encontro dos protagonistas. Gostei dos dois, principalmente por eles não acharem naca certo o que o Hibiki aprontou com a Rina. Eles são interessantes, possuem personalidades opostas, um é extrovertido e o outro tem um ar todo misterioso e já arrumaram rápido o reencontro do futuro casal. 


Com mais um encontro entre Rina e Takumi, há uma revelação importante para história. O fato de simplesmente não conseguir se apaixonar e experimentar todas as sensações maravilhosas que todo mundo ao seu redor vive descrevendo, na verdade sempre incomodou a Rina! Ela se sente frustrada com isso e fica se indagando por que ela não consegue sentir algo tão natural para as pessoas. Hatta Ayuko mostrou um pouco desse lado de forma resumida e rendeu uns momentos engraçados, não tenho certeza se tem algo mais profundo ligado a isso a ser explorado futuramente. Nesse ponto vi um pouco de Sata-kun nela, da dificuldade que ele tinha em relacionar, em se envolver e criar laços profundos com as pessoas.

Depois de todo o ocorrido, a primeira página da série onde a Rina começa descrevendo o Takumi com tanto amor (só que ao contrário), faz todo sentido! Eles vivem se esbarrando, já que tornaram-se vizinhos, e em um desses encontros ele até tenta ajudar a nossa heroína a finalmente superar a sua dificuldade no amor, propondo apenas que ela se apaixone por ele. Tem como ser mais convencido do que isso? 

Enredo simples, mas ter uma protagonista que nunca conseguiu se apaixonar me faz ficar bastante interessada em acompanhar sua história! Realmente gostei do fato da garota não ter imediatamente se encantado pelo garoto bonitão, muito pelo contrário, né? Rina é Girl Power. Gostei do temperamento forte dela, já mostrou que não leva desaforo para casa. E mesmo a Rina demonstrando que também quer experimentar o amor, não altera o fato dela ser uma garota independente, determinada, que tem seus objetivos e vai em busca do que deseja. Espero que o Takumi mostre seus melhores lados futuramente, porque estou sentindo que eu queimei o filme dele com vocês rs. Mas ainda é só o começo! Tem muita história pela frente, quero que ele se esforce para fazer a Rina gostar dele, torcendo muito para que ele seja o primeiro a se apaixonar, por favor faz isso acontecer Hatta sensei  Vou continuar acompanhando a série com toda certeza, minhas expectativas com o primeiro contato foram atendidas! Ayuko Hatta  promete muita comédia e confusão temperada com romance.


Onde encontrar para ler:


Português: Mono no aware Scan
Espanhol: Soul Craft Fansub
Inglês: Summer Rain

Nenhum comentário:

Postar um comentário